2558

Prefeitura Municipal de Sítio do Quinto

Pular para o conteúdo

2018 Secretaria de Agricultura realiza importantes reuniões nesta segunda-feira: IBGE e Bahiater estiveram presentes apresentando resultados e metas. (09/07)

26/09/2019 às 15h39

Noticia

Galeria com imagens e vídeos sobre a matéria


A semana da Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Abastecimento da Prefeitura de Sítio do Quinto começou movimentada. Em reunião conjunta, o IBGE e o Bahiater estiveram presentes nesta segunda-feira (09), apresentando importantes resultados e metas para o nosso município. Na primeira pauta, Murilo Gama, coordenador responsável pela Subárea em que pertence a nossa região, apresentou os resultados preliminares do Censo Agropecuário 2017/2018, organizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE). Estiveram presentes ainda, o secretário de Agricultura, Fabrício Carvalho e demais convidados.

Sítio do Quinto ficou dividido em 28 setores e contou com 9 recenseadores, que receberam total suporte dos supervisores, da secretaria de agricultura e da prefeitura. Os pesquisadores realizaram entrevistas com os agricultores em toda a nossa região rural com o objetivo de coletar informações importantes sobre os estabelecimentos rurais, utilização das terras, tratores, pessoal ocupado, efetivos da pecuária, produção rural, dentre outros. Os resultados servem para avaliar e viabilizar políticas públicas que visem atender com mais qualidade os setores da agricultura familiar e do agronegócio.

Com os dados registrados até o momento, Sítio do Quinto contabilizou 2839 estabelecimentos rurais, ficando de fora os estabelecimentos improdutivos, terras arrendadas e dados fora do período base da pesquisa (de outubro de 2016 a setembro de 2017). Outro dado interessante é o crescimento da produção agropecuária, que vem sofrendo grande investimento e se tornando um setor cada vez mais forte. Os dados ainda precisam ser tabulados, mas, conforme o coordenador de subárea da pesquisa em Sítio do Quinto, os números já são repassados para as entidades organizadas. A previsão é que os resultados finais serão entregues daqui alguns meses.

Outro assunto que esteve em pauta na reunião, foi a apresentação do Projeto Dom Hélder Câmara, apresentado pelo supervisor do projeto e técnico do Bahiater, Vilebaldo José Freitas, que na oportunidade destacou aos presentes os objetivos do projeto e os critérios das 60 famílias a serem beneficiadas. Com a iniciativa, é possível vislumbrar a ampliação do serviço da ATER – Assistência Técnica e Extensão Rural para o município. Os representantes das associações rurais, juntamente com o Conselho Municipal de Desenvolvimento Sustentável (CMDS) estiveram presentes contribuindo para essa reunião. Essa primeira etapa de cadastramento das famílias deverá ser feita de forma criteriosa, afim de selecionar as famílias de baixa renda que necessitam de incentivos para o crescimento da produção rural em nosso município.